Você está visualizando atualmente Empreendedorismo versus negócios de sucesso

Empreendedorismo versus negócios de sucesso

O empreendedorismo vem sendo tema de discussão há muitos anos no Brasil, entretanto, o tema tem tido destaque nesses momentos de instabilidades ocasionados pela pandemia do coronavírus. Além da crise atual, muitas empresas vêm sofrendo com a forte concorrência e a globalização.

Por falta de opções de emprego no mercado, muitas pessoas abrem seus próprios negócios, sendo que parte destes novos microempresários trilhou pela economia formal, enquanto outros seguiram pela economia informal e, muitas das vezes, sem qualificação para seguir uma jornada empreendedora que leve a negócios de sucesso.

Um dos principais motivos que levam a informalidade dos negócios no Brasil é resultado da alta tributação no país, assim como responsável pela alta mortalidade de empresas emergentes.

Antes mesmo da crise econômica causada pela pandemia, mais de 70% das empresas fundadas no país fechavam as portas em menos de dez anos de atividade, segundo estudo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em sua pesquisa Demografia das Empresas e Estatísticas de Empreendedorismo, apresentada em 2018. Conforme a pesquisa do IBGE, das empresas nascida em 2008, apenas 25,3 continuaram abertas após 10 anos depois.

Essa tendência de curta duração das empresas brasileiras pode ser percebida melhor na evolução da taxa de sobrevivência das companhias (conforme o tempo que elas passam com as portas abertas). Ainda de acordo com o levantamento, das empresas fundadas em 2008, após o primeiro ano de atividade 81,5% permaneciam abertas.

Podemos concluir, então:

  • para ser empreendedor não basta ter vontade ou necessidades;
  • é preciso ter conhecimentos de mercado;
  • em particular do mercado no qual irá atuar;
  • assim como conhecimentos estratégicos, de tendências e, principalmente, de gestão;
  • planejamento de curto, médio e longo prazo.

Enfim, é preciso, além de sabedoria, força de vontade, o mercado exige muito conhecimento.

Para todo novo empreendedor, por mais experiente que possa ser, é interessante a busca por especialistas no assunto, tanto como empreendedorismo, como com foco no negócio, em vendas, em marketing, na parte tributária ou no segmento específico que está a se abrir.

 

Deixe um comentário